sexta-feira, 7 de julho de 2017

A Guarda Municipal de Araioses está abandonada pelo poder público

Os guardas municipais de Araioses enfrentam uma situação muito difícil no dia a dia de seu trabalho. As condições oferecidas pelo governo municipal para o efetivo de 22 guardas são abaixo do mínimo necessário para que eles possam servir ao município.

A começar pelo fardamento dos guardas: Alguns têm o uniforme incompleto. Faltam calças, cintos, e até mesmo camisas. Alguns guardas se queixam de que os seus coturnos estão descolados. Isso fere o artigo 21 do Estatuto Geral das Guardas Municipais, da Presidência da República brasileira.

Art. 21.  As guardas municipais utilizarão uniforme e equipamentos padronizados, preferencialmente, na cor azul-marinho.

A casa alugada, onde funciona o QG da Guarda Municipal de Araioses, só dispõe de 02 ventiladores e um fogão, doados por lojas da cidade, um bebedouro, uma espécie de cama improvisada, com papelão e um colchão fino de espuma, uma mesa e algumas cadeiras, ainda da gestão anterior.





O alojamento conta com dois quartos, sendo que um deles é do comandante. O que sobra precisa ser dividido pelos outros guardas, que vêm de Caxias-MA, Chapadinha-MA, Parnaíba-PI e Teresina-PI.

Sem viaturas, os guardas se viram como podem para se locomover. Eles contaram à reportagem do Panorama que quando precisam ir a algum lugar, usam os próprios veículos, e a prefeitura nem ao menos dá o combustível para os seus carros e motos. Os próprios guardas arcam com esses custos, ou seja: eles pagam para trabalhar.

Alimentação é outro gasto dos guardas civis de Araioses. Para comer no QG, os servidores precisam comprar seus próprios alimentos, individualmente, ou fazer “vaquinhas”.

Além disso, os servidores ainda são submetidos pela prefeitura ao que alguns chamaram de “vigiar vigias”. Isso porque, apesar das diversas competência das guardas municipais brasileiras, a prefeitura de Araioses designa a função de vigias ao guardas civis, e os prédios vigiados pelos guardas já contam com vigilantes contratados pela prefeitura.

Segundo alguns guardas, o prefeito Dr. Cristino prometeu, na campanha eleitoral de 2016, duas viaturas, além de outros benefícios para a GCM araiosense, entretanto, quando assumiu a prefeitura de Araioses, parece ter esquecido desses profissionais.

Entramos em contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Araioses, mas não obtivemos resposta.
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

DESTAQUE

Prefeita Thalita Dias esteve ontem no povoado Curva Grande com o Gabinete Itinerante.

A prefeita Thalita Dias esteve na manhã de ontem (15), com o Gabinete Itinerante no povoado de Curva grande, na oportunidade foi oferec...